Sobre mim e outras coisas, irreais, ou nem por isso...

11
Set 12

A semana passada fui de férias.

 

Dito isto, aos olhos de muita gente, parece que se está muito bem na vida, e que falo de barriga cheia.


Sim, fui de férias, porque merecemos descansar depois de meses de trabalho, mesmo que mal remunerado, porque temos o direito às férias, e porque , bem feitas as contas, ainda ficaram muitos dias por gozar.

 


ah...se estivesses assim tão mal, nem tinhas saído de casa. Não, ainda não estamos assim, tão mal, mas este ano, todos os dias gozados de férias foram pensados para reduzir custos. E foram possíveis porque não houve almoços nem atls para pagar, nem compras de roupas novas, e porque durante todo o ano foram feitos esforços e contenções, e muito tenho de agradecer ao marido pelo esforço brutal que ele tem feito para manter a casa e me ajudar a manter uma empresa que mal respira, mas que ainda esperneia!!, tal é a falta de trabalho.

 

Fui de férias, sem restaurantes, com sandochas para almoço, comida de lata, e tenda de campismo. E muita vontade de estar com as filhas e com o marido, e de juntos, vivermos experiências que nos unam, que nos ensinem.

 

 

Fui de férias, e quando cheguei fui premiada com impostos extra, medidas extra, muita coisa muito extra.

 

E com o aumento dos almoços da escola, com os aumentos da patinagem, com aumento do seguro, com aumento de tudo, menos o ordenado.

 

 

 

Doi-me tudo. Mais do que após a caminhada de 3 horas entre rochas e arbustos, na serra do Gerês.

 

 

publicado por na primeira pessoa do singular às 18:30
tags:

Selo concurso
limetree
mais sobre mim
posts recentes

Férias de verão

Janeiro 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


Selo concurso
limetree
blogs SAPO