Sobre mim e outras coisas, irreais, ou nem por isso...

18
Abr 11

Fosse eu a mandar ( e por isso é que ninguém vota em mim, porque não sou simpática!) , já que é para cortar , cortava a ADSE.

 

Parece razoável, que em tempos de corta unhas, o SNS não seja igualmente suficiente para todos?

 E porque é que o comum dos mortais, não satisfeito ou não encontrando resposta útil ou em tempo útil no SNS vá a determinado médico ou clínica, e por determinada consulta pague cerca de 15 a 20 vezes mais por um serviço igual ao prestado a um beneficiário da ADSE? Isto, falando de consultas como pediatria,ginecologia, otorrino, e outras do género, já sem entrar em dentistas, e grandes tratamentos ou operações...

 

Descontam para isso? eu também. Entre mim e a minha empresa, cerca de um terço do meu reduzido ordenado vai para a segurança social. A mesma que, se eu hoje ficasse desempregada não me daria subsídio de desemprego, que não não me dá qualquer subsídio por causa das filhas, mas que me permite usufruir a preços razoáveis do SNS, em alguns( poucos) serviços que me são disponilizados.

 

Dáva-me jeito? OHH, se dava! Provavelmente, a Inês precisará de aparelho nos dentes. A operação à coluna foi um rombo ainda não ultrapassado nas finaças da família. E um tratamento radical à obesidade vinha mesmo a calhar, sem ter que esperar alguns anitos..

 

Concordo com o princípio do utilizador pagador, com óbvia descriminação positiva para quem, definitivamente, não tem meios suficientes. Concordo, é claro, que havendo disponibilidade , o Estado comparticipe, equitativamente, alguns serviços. O estado, que sendo só um, não pode ter uns mais dignos do que outros, quando toca à assistência médica.

 

A título informativo, e só porque sim, o pediatra custa-me 70€ por consulta, a ginecologista 65€. Sim, poderia optar pelas consultas do posto médico, pelo médico de família. Oftalmologia, não vai custando, porque vou à multiópticas, só tenho de pagr os óculos. Mas para a Inês foram 50€ . Dentista a partir dos 40€. Otorrino, de uma só vez, 75€. Endocrinologistas, entre os 50 e os 110€! Cliníca geral no centro de Saúde, ou na Leirivida. Operação da Inês nos HUC ( graças a deus!). Operação à coluna, quase 4000€( quando fiquei meia paralizada, no hospital público disseram que não havia nada a fazer, e mandaram-me para casa talcomo entrei, com duas injecções, sem sequer se dignarem a fazer uma simples radiografia) Sim, gostava de pagar 3,99€, ou qualquer coisa a rondar estes valores. ou não pagar. .

publicado por na primeira pessoa do singular às 11:27

Selo concurso
limetree
mais sobre mim
Abril 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
16

17
19
20
21
22
23

24
25
26
28
29
30


Selo concurso
limetree
blogs SAPO