Sobre mim e outras coisas, irreais, ou nem por isso...

04
Fev 11

Aperto peito: começa  mais ou menos no fim do pescoço e a acaba um pouco abaixo do coração. Como se eu estivesse deitada, com  um peso enorme  sobre mim. Quente. Sufocante.

 

Despesas correntes da economia doméstica. Filhas para criar. Trabalho a desaparecer. Motivação a diminuir. Reacção baixa. Estou por tudo, hoje.

Sinto um desânimo como há muito não sentia...

 

 

 

publicado por na primeira pessoa do singular às 12:33

comentários:
Acho que todos nós passamos por essa ansiedade...fruto da instabilidade que vivemos.
Não sou a melhor pessoa para dar conselhos, pois também sou muito ansiosa, mas há que ter fé que as coisas irão melhorar.
Todos temos altos e baixos, dias bons e dias menos maus, mas a vida continua.
Bom fim de semana
geriatriaaminhavida a 4 de Fevereiro de 2011 às 14:41

Solução: por-se bonita e sair. Ir comprar uma peça para si, nao precisa de ser cara, mas algo que olhe e veja que é aquilo que precisa. E, acima de tudo, sorria... Vamos contribuir com o dia do sorriso ;)
Palavras Rasgadas a 4 de Fevereiro de 2011 às 14:54

Selo concurso
limetree
mais sobre mim
Fevereiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
16
17
18
19

20
21
24
26

27


Selo concurso
limetree
blogs SAPO