Sobre mim e outras coisas, irreais, ou nem por isso...

13
Jun 12

 

Gosto muito de ver um Satisfaz Muito Bem nos testes das minhas filhas. Gosto que os testes tenham problemas, mais do que efectuações directas. Quem peçam opinião, e não só a cópia da resposta que vem no texto. Gosto que tenham tempo contado.

Mas não gosto nada que textos de 10 linhas sejam considerados longos. Que não se tenha de saber a tabuada ( só é preciso percebê-la e saber fazê-la, nem que ...demoro 5 minutos a fazer a tabuada do 8, para se chegar aos 8x7, em vez de gastar um segundo a chegar aos 56...e depois não se consegue chegar aos fins dos testes).

Não gosto de ver os livros das disciplinas desmultiplicados em n livros de exercícios ( que depois não há tempo de completar, e que se repetem, repetem, repetem...)

Não gosto das desculpas de falta de tempo para se cumprir o programa, quando há de sobra para outras coisas.

Não gosto que os trabalhos da escola e o estudo exclusivo dos livros seja considerado factor decisivo para o sucesso escolar.

Não gosto que não se promova o debate, o projecto, a iniciativa, a retórica, o discurso, as apresentações, sob a desculpa de falta de tempo.

Não gosto que a cultura, a vida em comunidade, as vivências fora da escola não possam servir de ponto de partida para complemento dos ensinamentos que vêm nos livros.

Antes, a escola primária era o melhor que a maioria dos portugueses poderia almejar de cultura e conhecimento, pelo que se aprendi muito de cada coisa.
Agora, e porque se supõe que todos estudarão quase eternamente, os conhecimentos são "aprofundados" em pequenas doses, para que sejam bem percebidos e interiorizados.

Mas então porque não são????

Não gosto da escola primária dos dias de hoje, nos moldes em que me é apresentada. Ponto final.
publicado por na primeira pessoa do singular às 10:50

Selo concurso
limetree
mais sobre mim
Junho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29


Selo concurso
limetree
blogs SAPO