Sobre mim e outras coisas, irreais, ou nem por isso...

28
Ago 14

Estamos mais ou menos de férias. 

Ao marido, só faltam gozar 25,5 dias + 92h... vamos ficar por uns 7 diazinhos, que é bem bom, e o que pode ser.

Pela primeira vez desde que tiramos férias, não sabemos bem o que fazer, onde ir. Chegaram uns dias mais cedo do que o previsto, por conveniência do trabalho dele, e uma série de circunstâncias trocou-nos as voltas e as oportunidades.

Pesquisamos preços, locais, e para o dinheiro que temos, e só locais manhosos nas beiras interiores, onde por certo até haverá interesses para 1 dia ou 2, mas não para uma semana, estão ao nosso alcance.

Podíamos ir acampar outra vez, ( afinal, não é o que costumamos fazer?), mas como não vamos todo o tempo, montar e desmontar todo o nosso complicado sistema de logística é moroso e não compensa para menos de uma semana estacionados no mesmo sítio. E campismo mais ou menos selvagem, sem as condições de electricidade, frigorífico, possibilidade de cozinha...não estão nos meus planos...porque íamos poupar no alojamento e gastar em restaurantes o dinheiro que não temos, e sempre condicionados a horários. Aligar uma caravana ou uma carrinha ainda sai mais caro. Curiosamente, na Madeira e em Marrocos há preços em conta. O pior é chegar lá!

 

Falando com clientes e fornecedores, todos me dizem que o Algarve está em conta! Mas que conta!!!

Outra coisa interessante é ver a pouca oferta para famílias, em hoteis, dois filhos são uma extravagância, quando tivermos três, suponho que ficará mais fácil decidir: Não vamos e pronto!

 

Começámos bem as férias, o sogro precisa de ajuda no quintal, hoje estamos de serviço. O nosso sotão e garagem precisam de uma reviravolta, talvez fique para amanhã. Precisamos de começar a arranjar espaço para o bebé ( onde senhores? onde? se o apartamento não cresce ao mesmo ritmo da família? por enquanto, no nosso quarto, onde já desocupei gavetas e prateleiras para as coisas dele, ficando agora por saber onde ponho as minhas roupas de inverno...felizmente, tenho pouca coisa minha, hei-de arranjar um canto para as camisolas...) E há roupa do marido para escolher e dar, que a minha e a das garotas já levou essa volta, pode ser que sobre mais algum espacinho!

 

Já era perto da uma da manhã, quando lhe disse " olha, não temos de ir de férias para lado nenhum, desde que possamos passar tempo juntos já é bom", ao que ele resondeu apertando-me a mão " estava mesmo a pensar dizer-te isso"!

 

E é verdade. Juntos já é bom. Muito, muito bom.

 

Vamos ver e esperar. Afinal, costumavamos ser peritos em escapadelas económicas de última hora...

 

publicado por na primeira pessoa do singular às 11:03

comentários:
Vão aos Açores com a ( tem promoções crianças grátis )

http://www.yazores.com/pt

nós fomos 5 ( 2 adultos, 1 adolescente e 2 crianças ), 5 dias, 2 ilhas ( Terceira e S.Miguel ), passagens, alojamento peq.almoço € 1360, depois falta o aluguer de viatura ( ou não ? mas dá jeito ) e refeições.
poetazarolho a 28 de Agosto de 2014 às 17:44

Dois motivos para não irmos: temos menos de metade para orçamento e barriga gigante com passageiro clandestino.
De resto...era já

Realmente já estou mais habituada à sua escrita, no entanto é sempre estranho. Espero também chegar ao final e adorar a história!
Ana a 29 de Agosto de 2014 às 17:59

Selo concurso
limetree
mais sobre mim
Agosto 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
21
22
23

24
26
27
29
30

31


Selo concurso
limetree
blogs SAPO